Receita Federal flagra empresa com 118 kg de prata ilegal transformadas em peças de trator

Receita Federal apreendeu R$ 400 mil em metal comprado de forma ilegal

A Receita Federal flagrou uma empresa com 118 kg de prata disfarçada em peças de trator. A mercadoria avaliada em R$ 400 mil foi apreendida durante operação realizada nessa segunda-feira (5), em Campo Grande.

Conforme a Receita Federal, a empresa comprava a prata na Bolívia. O metal era derretido, transformado nas peças de trator, que depois eram pintadas. O material seria vendido ilegalmente em São Paulo.

 

A apreensão foi realizada após análises de notas fiscais emitidas diariamente. A identificação do metal foi feita com uso de reagentes químicos.

Segundo a Receita Federal, apreensões como esta são raras em Mato Grosso do Sul. Registros do órgão mostram que em 2023 a quantidade de pratas ilegais apreendidas totalizou o valor de R$ 1,1 milhão.

O produto foi apreendido e encaminhado para a Receita Federal. Como as regras de importação não foram seguidas, a empresa responsável pelo envio do material vai responder por crime de descaminho.

Botão Voltar ao topo