Prefeitura decreta luto por morte de criança e suspende aulas da rede municipal –

Após a morte de uma criança de sete anos, por conta de um temporal na tarde desta terça-feira (12) em Corumbá, o prefeito Marcelo Iunes (PSDB) se reuniu com secretários municipais para avaliar os estragos e definir uma estratégia de prevenção nos próximos dias. Ele decretou luto e está dando apoio aos familiares do estudante. –

Temporal de cerca de 15 minutos foi suficiente para deixar o rastro de destruição. Ao mesmo tempo, uma nuvem funil se formou no céu e ao tocar o chão virou tornado. Além de derrubar árvores e destelhar casas e condomínios habitacionais, parte da população teve o serviço de energia interrompido.

Segundo a assessoria de imprensa da cidade, a morte do aluno da Escola Municipal Cássio Leite de Barros ocorreu após uma segunda rajada de vento que atingiu a quadra de esportes que fica na parte alta de Corumbá.

A Defesa Civil informou que em nenhum dos cinco institutos utilizados para monitorar o tempo na cidade estava previsto as rajadas de vento. A explicação é que foram dois momentos de rajadas de ventos fortes, sendo o primeiro momento com ventos de 40 km/h e o segundo momento ventos com mais de 70 km/h.

No momento do temporal, as crianças de segunda e terceira série da escola municipal estavam na aula de educação física. Na primeira ventania, os professores tentaram voltar para a sala de aula, mas por conta da chuva, optaram por se abrigar na quadra coberta. Mas na segunda rajada de vento, a estrutura foi carregada e atingiu as crianças da segunda série.

A vítima foi socorrida e levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento), mas não resistiu. Outros quatro alunos também foram socorridos, sendo um na unidade e outros três no pronto-socorro. Deste, uma estudante foi liberada, outra passa por exame e um outro ainda está em observação. Todos estão estáveis. –

Botão Voltar ao topo