Funcionários matam dono de fazenda após serem demitidos em Corumbá

O dono de uma fazenda na região do Pantanal do Nabileque, em Corumbá, a 426 quilômetros de Campo Grande, foi assassinado por dois funcionários, de 25 e 35 anos, com golpes de facão, durante o domingo (25). Eles cometeram o crime logo após terem sido demitidos pelo fazendeiro, identificado inicialmente como João Luiz Martins Cavalheiro, conforme apurado pela reportagem.

Os dois suspeitos foram presos enquanto fugiam em uma caminhonete Chevrolet S-10, que seria de propriedade da vítima, pela BR-262, na região de Miranda. A identificação dos suspeitos não foi repassada pelas autoridades até o momento.

Segundo as informações policiais, os funcionários teriam atacado João com golpes de facão logo após tomarem conhecimento que seriam dispensados de seus serviços na propriedade rural. As forças policiais teriam sido alertadas após o crime e iniciaram as buscas.

Uma das equipes do DOF que estava pela região de Miranda, conseguiu identificar a caminhonete e ao abordar, prendeu os dois indivíduos.

Com eles estavam a carteira, uma lâmina de cheque preenchida e um relógio do proprietário da fazenda. Eles teriam sido conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Miranda.

Botão Voltar ao topo