Câmera flagrou acidente que matou Mirtes, aos 91 anos, quando atravessa a Avenida Euler de Azevedo

Câmeras de segurança flagraram o momento em que a idosa, Maria Mirtes, de 91 anos, sofreu um acidente na manhã de quarta-feira (17) na Avenida Euler de Azevedo com a Rua Joaquim Lacerda, na Vila Manoel Taveira, em Campo Grande.

Testemunhas disseram que ela “estava desatenta” e havia saído de casa para ir ao mercado.

As imagens mostra quando Mirtes está seguindo pela faixa de pedestres e é colhida por uma motocicleta. O sinal estava aberto para o veículo.

O rapaz, um azulejista, de 37 anos, contou que seguia pela avenida sentido Centro e o semáforo estava verde para ele, quando a idosa entrou na via e não deu tempo de parar.

Ele teve um ferimento no joelho, mas estava bastante preocupado com a idosa. “Fiquei bem abalado. Nessa hora a gente pensa na avó da gente”, disse.

Já Mirtes foi socorrida em estado grave, e horas depois não resistiu e morreu no hospital.

Conhecida por sua alegria, Maria deixou seu local de trabalho vazio, mas sua memória será eternamente cheia de exemplos de perseverança. Coincidência ou não, o Jornal Midiamax registrou uma das últimas fotografias de Maria no último dia 8 de janeiro, enquanto fazia uma reportagem sobre o calor no Centro da cidade. Sorridente, como sempre, Maria permitiu ser fotografada.

Botão Voltar ao topo