Ayache afirma que irá fazer B.O após ‘ataque hacker’ em sistema da Cassems

s sistemas da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores de Mato Grosso do Sul) saíram do ar na madrugada desta terça-feira, 13, por causa de um ataque hacker, relatou a instituição em nota pelas redes sociais.

Por causa do ocorrido, o presidente da instituição, Ricardo Ayache (PSB) afirmou que um boletim de ocorrência será feito para que os responsáveis sejam punidos.

“Nossas equipes trabalharam a madrugada inteira para restabelecer de alguma forma o atendimento. Tivemos alguns prejuízos nos atendimentos dos nossos pacientes e isso tem trazido enormes preocupações, tanto é que vamos fazer um boletim de ocorrências para apurar os fatos que levaram esse ataque cibernético”, disse.

O médico-cardiologista disse ainda que o hospital vem sendo alvo de ataques nas últimas semanas. “Estamos sendo alvos de mentiras, desinformações, visando desconstruir o trabalho realizado por todos nós. Um trabalho que dá a garantia de uma saúde de qualidade e que não pode ser destruída com mentiras e ataques da internet, afinal de contas a saúde é que mais temos de importante”, disse.

Atualmente o plano de saúde atende 215 mil pessoas e tem a maior rede hospitalar do Estado.

Botão Voltar ao topo